Como criar metas e objetivos eficazes para o próximo ano

Dezembro - metas

Olá, pessoas!

Dezembro chegou, finalmente. É nessa época que nós refletimos sobre o que fizemos durante o ano e o que queremos para o próximo. E é uma ótima época para traçar metas concretas e fazer planos alcançáveis para começarmos o ano novo cheios de energia.

Adoro fazer metas. Adoro planejar coisas e fazê-las acontecerem. Tenho um mural no meu ateliê, e lá penduro as metas do ano. Fica bem de frente para a minha mesa de trabalho, então não há como não revisar minhas metas durante o ano inteiro. Isso me ajuda a tê-las sempre em mente e, graças a isso, eu tenho conseguido realizar a maior parte delas de uns anos para cá. Sou do tipo de pessoa que está sempre fazendo planos, organizando estratégias para tudo na minha vida. Mas, como estabelecer metas eficazes e segui-las?

Primeiro de tudo, precisamos determinar a diferença entre meta e objetivo. Andei pesquisando em alguns sites de negócios e, trocando em miúdos, o objetivo é a descrição concreta do que você pretende alcançar, enquanto que as metas são as especificações das tarefas que você precisa executar para alcançar esse objetivo. Por exemplo: vamos supor que, em 2018, eu queira me casar. Este é o meu objetivo. A partir daí, vou traçar alguns planos para atingir esse objetivo, como juntar X reais, traçar uma data X para casar, juntar X reais para comprar ou alugar uma casa em X lugar, essas coisas.

Tendo essa informação em mente, agora vamos a alguns passos que deram muito certo para mim. Deixando claro aqui que a ideia não é dizer que minha forma é a correta, mas foi a que funcionou para MIM, ok? Nas aulas de Empreendorismo do curso de Produção de Moda, aprendi que a meta precisa ser E-S-P-E-R-T-A. Como traçar uma meta ESPERTA? Vamos lá:

Específica – Clareza é fundamental para se traçar metas e objetivos. Seja bem específico em relação ao que você quer atingir. Seja detalhista;

Sistêmica – Como sua meta afeta o sistema ao seu redor? Que impactos ela vai ter na sua vida e nas pessoas ao redor? Ela vai afetar outras áreas da sua vida? Ela está de acordo com seus valores e princípios? O que você ganha e perde com isso? Pense nessas variantes, pois muitas vezes as pessoas desistem de suas metas por não terem calculado as perdas que ela gera;

Prazo – Toda meta precisa de um prazo para ser atingida. Mesmo que você não tenha uma noção clara, especifique um prazo que você acha que pode atingi-la. Por exemplo, se você quer emagrecer dez quilos, até quando você acha que é possível conseguir isso? Até agosto? Então determine agosto como parâmetro e trabalhe com base nisso. Se você ficar pensando “ah, vou fazendo”, a probabilidade de não executar essa meta aumenta.

Evidência – É o parâmetro que confirma a realização da meta. Toda meta precisa de um feedback. Como você vai saber que realizou seu objetivo? Como seria se você já tivesse alcançado esse objetivo? Exemplo: uma das minhas metas de 2017 era viajar para o Macchu Picchu. A evidência estabelecida seria uma foto no alto da Montanha Macchu Picchu. Eu consegui a minha foto, então minha meta foi cumprida.

Recursos – Quais recursos você já tem e quais são necessários para que você consiga atingir a sua meta? Nessa parte, muita gente se boicota, então cuidado com isso! Se a sua meta é fazer vídeos para o Youtube, por exemplo, mas você não tem aquela câmera mega profissional, apenas o celular, ele já é um recurso. Comece trabalhando com os recursos que você já tem, e depois faça metas de melhorar esses recursos.

Tamanho – Qual o tamanho da sua meta? Ela é desafiadora? Se ela for muito pequena ou pouco desafiadora, talvez não valha tanto a pena. Em contrapartida, se ela for grande demais, talvez você tenha que dividir em metas menores, ou mesmo fazer adaptações. Seus objetivos precisam ser alcançáveis. Por exemplo, um objetivo do tipo “Quero comprar uma casa em 2018” pode ser um tiro no pé, dependendo de quem a fizer. Vamos supor que a pessoa ganhe 2.000 reais, e o valor de entrada para comprar a casa seja 30.000. Se o objetivo é comprar uma casa em 2018, talvez seja algo grande demais, visto que a pessoa precisa se alimentar, pagar contas, e não sobraria dinheiro suficiente para ter o valor da entrada em um ano. Então, defina o tamanho da sua meta, veja se ela pode ser alcançável dentro do tempo que você estabeleceu;

Alternativas – Meta é AÇÃO. Quais são seus planos de ação para a execução da meta? Só uma listinha do que você quer não será suficiente. Quais são os possíveis obstáculos para a execução de sua meta? Com quem você pode contar ou quem está minando suas forças para a execução dela? Se algo der errado, qual é o plano B para contornar isso? Pense em todas as possibilidades.

Agora que você sabe o que é uma meta ESPERTA, vamos a algumas coisas que você precisa ter dentro de si para fazer coisas acontecerem:

Coragem – algumas metas vão exigir que você saia da zona de conforto, e podem ser até dolorosas de alguma forma. Pode ser que você cometa erros. Faz parte. Tente. Se não der certo, pelo menos você se esforçou para que ela acontecesse, e vai aprender muitas coisas com essa experiência;

Sacrifício – Ganhar é perder. Você vai ter que abrir mão de algo se quiser seu lugar ao sol. Esse algo pode ser os seus fins de semana de saída com seus amigos, pode ser aquelas horas de Netflix ou no celular, pode ser até o seu “pecadinho favorito”, aquele defeitinho que você tem e que precisa largar para algo maior. Acostume-se com a excelência. Pessoas excelentes se sacrificam o tempo todo. Se você não estiver disposto a se sacrificar, talvez seja porque nem quer esse objetivo tanto assim.

Comprometimento – Fundamental em qualquer situação. Comprometa-se consigo mesmo. Estabeleça prioridades e não permita que outras coisas se coloquem acima delas.

Persistência- Lembrar-se constantemente dos seus objetivos e trabalhar neles é muito importante. Anote suas metas e deixe-as em um lugar visível para você. De preferência, algum lugar em que as pessoas da casa não tenham tanto acesso, só você, mas que esteja em evidência. E não desista, a não ser que realmente não seja algo positivo. Não deixe coisas pela metade. Complete tudo o que fizer. Pode ser que você veja que talvez não consiga terminar no tempo determinado. Mas, se já começou, termine. Reavalie datas, modifique o que precisa ser modificado, mas continue com constância e firmeza.

Agora que você tem vários passos e dicas, o que ainda te impede de atingir seus objetivos? Pegue já seu papel e caneta, e aproveite o mês de dezembro para pensar cuidadosamente nas suas metas. Comente aqui também sua experiência, adoro conhecer as experiências dos outros!

Boa sorte para todos em seus planejamentos, fiquem na paz!

Beijos,

Até a próxima!

Anúncios

2 comentários sobre “Como criar metas e objetivos eficazes para o próximo ano

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s